15 janeiro 2008

Não dar o peixe, mas ensinar a pescar...




Eu, Dani e Rose




Gostaria de dividir com vcs, uma experiência fantástica que tive na semana passada.......




Fui conhecer o Projeto Arrastão, um projeto social, localizado no Campo Limpo, e atende os bairros de Jardim Maria Sampaio, Jardim Helga, Jardim Ângela, Valo Velho, Capão Redondo entre outros da região, somando um total de 860 mil habitantes, cercados por cerca de 400 favela.



A idéia do projeto, é ajudar a comunidade na formação de cidadãos capazes de transformar a realidade e o meio em que vivem, sempre considerando o espírito de coletivo de não dar o peixe, mas ensinar a pescar. É dar a comunidade a oportunidade de aprender e ensinar, sobretudo a cidadania.



Arrastão: técnica de pesca para retirada de todo tipo de peixe do mar.



O projeto atua em várias áreas...mas queria comentar com vcs, sobre o Núcleo de Moda.



o Núcleo de Moda e Design tem como objetivo, proporcionar às mães e aos jovens uma formação diferenciada, adicionando caráter comercial à formação artística e criativa já consolidada e desenvolvendo novos produtos com maior conexão ao mercado consumidor, contando com a parceria do projeto Design Possível.


Eles desenvolvem vários produtos. Fiquei apaixonada pelas bolsas, desenvolvidas através de lonas publicitárais, que antes eram jogadas no lixo. Tem Fuxico, tem bordado, tem muita coisa linda...quem quiser conferir, é só entrar no site: http://www.arrastao.org.br/







Vale conferir!

Fonte: Site Projeto Arrastão

2 comentários:

Cris Paz disse...

Conheço o projeto, acho bárbaro.
É importante o trabalho destes designers que trabalham capacitando as pessoas nas comunidades, devolvendo a cada membro a dignidade, um dos bens mais valiosos do ser humano.
bjs

Carla Villa disse...

É mesmo Cris..
O trabalho é muito lindo, e se todos fizermos um pouquinho, quem sabe a gente não consegue começar a mudar o mundo....
Somos uma gota de água no meio do oceano...mas é assim que começa, né?

Bjs